Thursday, April 19, 2012

e-books

Nos últimos dias venho trabalhando intensamente no meu projeto de produção de livros ilustrados independentes. Junto com um amigo o Mozart Couto, ilustrador e quadrinista brasileiro, pensamos em começar a produção de livros ilustrados para vende-los em próprio.
O esquema é bem simples, usar essencialmente o Blurb.com e Lulu.com para a produção de livros em papel e usar ao mesmo tempo os canais de vendas deles. Um ótimo artigo em inglês do Smashing Magazine está aqui.
A coisa meio complicada é colocar em pé o workflow para a produção de livros de papel e ao mesmo tempo de e-books, então estou investigando os programas e standards mais viáveis para fazer isto, seguramente o formato .epub é a melhor opção.
Um dos problemas que temos são os tools para fazer editing, estas tarefas estão dispersas entre muitos tipos de tools e soluções de workflow... a principal necessidade é ter um processo aonde você consiga realizar em modo fácil, rápido e bonito estes livros ilustrados.
Com o standard epub versão 2 e 3 não é ainda possivel ter diagramações muito dinâmicas e eficientes para os livros ilustrados, mas o essencial e o básico é já possível. Então, o conceito básico é usarmos  simples instrumentos, tais como editores de textos básicos e alguns dos editores ou formatadores de ebooks, e integra-los em um processo seguro e eficaz para o produção de livros digitais.
A portabilidade entre vários tipos de tablets e dispositivos de leitura de e-books é o principal problema aqui e para isto o CSS funciona muito bem, existem soluções muito fluidas de layout mas essencialmente pensados para web... vai precisar encontrar o equilibrio entre as várias soluções e simplificar ao máximo tudo, até que existam tools e ou processos para fazer estas coisas de maneira ideal!
Nesta tarefa de procurar e descobrir o workflow me veio a ideia de produzir um ebook em formato .epub e que proximamente estará disponível aqui no blog.


[Italiano]
Negli ultimi giorni sto lavorando sodo nel mio progetto per la realizzazione e produzione di libri illustrati, ma in modo indipendente. Assieme ad un amico, Mozart Couto, illustratore e fumettista brasiliano, abbiamo pensato di produrre libri illustrati e venderli in proprio.
Lo schema è molto semplice, si usa principalmente il Blurb.com e Lulu.com per la produzione dei libri su carta e allo stesso tempo si vende sui loro canali, hanno delle soluzioni interessanti per dei shops.
Un eccellente articolo sugli ebook sta su Smashing Magazine qui [in inglese].
Uno dei problemi che abbiamo sono i tools di edizione e impaginazione, queste attività stanno un po' frammentate tra differenti tipi di tools e workflows... la principale necessità è avere un processo dove si riesca realizzare degli ebooks in modo facile, rapido e bello.
Lo standard epub versioni 2 e 3 non sono ancora completamente adattabili ai libri illustrati, ma il basico lo fa. Allora il concetto è servirci per ciò di strumenti semplici e integrarli in un processo sicuro e efficace per la produzioni di libri digitali.
La portabilità tra i vari tablets e dispositivi di lettura sul mercato è il principale problema da risolvere e qui CSS fa il suo lavoro... esistono delle soluzioni di layout liquidi per questi dispositivi, ma essenzialmente pensati per l'web e no per libri... in ogni modo le soluzioni ci sono basta trovare il giusto equilibrio.
In quest'attività di cercare e scoprire il migliore workflow mi è venuta l'idea di produrre un ebook in formato .epub... che prossiamente sarà scaricabili da tutti sul mio blog.  

Friday, April 13, 2012

Xilogravura digital, algumas anotações...

Xilogravura digital realizada no Gimp com meus pincéis para esta técnica. Foi utilizado somente o mouse.
A xilogravura é amplamente emulada em muitos ambientes digitais e alguns programas, como aqueles de desenho vetorial (Illustrator, por exemplo). Na minha opinião a qualidade técnica destas soluções são muito interessantes e belas mas ao mesmo tempo sofrem de uma homogeneização no estilo e na qualidade intriseca dos trabalhos. Eu prefiro uma técnica mais essencial e mais afim com o grandes mestres da xilogravura para a literatura do Cordel. Também prefiro trabalhar com rasters, ou seja imagens com pixels. Para isto eu criei um serie de pinceis no programa que uso para meus trabalhos, o Gimp, mas que pode ser feito também no Photoshop. O principio dos pinceis basicamente se mantém, mas com algumas diferenças entres estes dois softwares.

A técnica da xilogravura se confunde com a própria invenção da imprensa... ela foi inventada na China no mesmo período em surgiu o papel por lá. Muitos incisores e artistas famosos já usaram esta técnica... o mais virtuoso ao meu ver é Albrecht Durer, de fato eu tive a oportunidade de ver alguns das suas incisões impressas no Gabinete degli Uffizzi di Firenze e são impressionantes mesmo.
O Transporte da Cruz, A Grande Paixão, Albrecht Durer, 1498, 28x39 cm. [Fonte Wikimedia]
A coisa interessante é que a xilogravura foi amplamente usada para ilustrar os primeiros livros baratos da era moderna e muitos no inicio da imprensa. Eu venho fazendo uma pesquisa sobre o livro ilustrado na web e pude constatar o uso preponderante da tecnica até meados do século XIX.
Na minha mente permanecem principalmente os trabalhos da arte chinesa e japonesa e daquele que talvez seja o maior icone desta técnica, A Grande Onda de Kanagawa.
Xilogravura com multiplas matrizes realizadas por Kanagawa no sec. XIX, ~1830, 25x37 cm. [Fonte Wikimedia]
No Brasil ela se confunde no imaginário coletivo com os cordeis e nas obras de Goeldi... para mim é muito forte a primeira. O site 100 anos da xilogravura na literatura do cordel, é na minha opinião a melhor referência na web sobre o tema.
Imagem da matriz da xilogravura. [fonte: site 100 anos da xilo no cordel]
Realizei um breve vídeo aonde vocês podem ter uma ideia de como realizar esta tecnica no Gimp, mas acredito que os mesmos passos possam serem feitos no Photoshop.

Wednesday, April 11, 2012

Esboços com o Wet Flow Sharp Simple ...

Desenho executado com o pincel "Forks Flow Sharp Simple", pensado para trabalhos úmido sobre seco.
Desenho executado com o pincel "Forks Flow Sharp Simple", pensado para trabalhos úmido sobre seco.
Estou nestes dias aprimorando alguns dos meus pinceis digitais e este em particular me está dando muitas alegrias. Este desenho foi rapidamente feito em um formato A3 a alta resolução com somente o mouse... as marcas que ele produz me lembram muitas técnicas interessantes, entre arte gráfica e ink.
É particularmente difícil catalogar técnicas pictóricas em ambiente digital, são efetivamente outro universo e, as vezes não tem muito sentido falar de uma ou outra técnica. No meu caso eu vou seguindo o instinto... procurando aquele traço, aquela mancha, aquela figura.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...