Tuesday, July 31, 2012

Fazendo livros ilustrados e o projeto Red Rhino

Eu fiz uma longa pesquisa sobre os diferentes tipos de soluções para os livros. É muito divertido ver que um livro pode ter diferentes formatos e soluções de packaging.
Nesta pesquisa coletei uma infinidade de fontes, muito material a gente encontra diretamente na internet, no YouTube, p.e., eu encontrei uma infinidade de artistas que fazem coisas ótimas neste sentido... e adotam quase sempre workshops para divulgarem suas ideias e conceitos. A playlist do YouTube que disponibilizo aqui tem mais de 3 horas de vídeo: Books Possibilities.
Toda esta pesquisa deu origem a uma série de concepts de livros híbridos, assim eu os chamei, aonde confluem vários tipos de formatos e soluções.

No inicio de 2011 eu comecei a pensar em criar um grupo de trabalho dedicado ao universo do livro ilustrado e focado nesta ideia de livros híbridos... então conversei com amigos aqui no Brasil e alguns ilustradores italianos, um editor italiano amigo meu (que me indicou alguns escritores) e dai partiu as primeiras tentativas de realizar algo, isto fez nascer o grupo chamado Red Rhino. Ele é formado por mim, Alessandra Tadiotto, escritora, Lorenza Trojan e Oto Maki, ambas ilustradoras.
O trabalho inicial foi bem complicado e tivemos que nos organizar em modo bem diferente do tradicional, pois cada um de nós vive em partes diferentes do mundo... então emails, talks e chats. Hoje em dia temos já um método bem aperfeiçoado e isto é produto de mais de 1 ano de trabalho árduo e suado.
Finalizamos, em outubro de 2011, o nosso primeiro livro para de uma serie pensada sobre a alimentação dos pequeninos. São livros cartonados predisposto para marionetas de dedo. Estamos tentando vender este projeto no mercado americano através da minha agente Anna Johnson.
A ideia dos livros híbridos, assim como imaginei, infelizmente não é muito aplicável ao mercado de hoje... o livro fica muito caro e com muitas dificuldades na produção e na logística, pois muitos destes livros especiais são produzidos quase que totalmente em China. Mas ainda não abandonei a ideia de produzir estes livros em tiragens super limitadas em modo handmade e trata-los como múltiplos.

Apesar de termos boas ideias e material humano de qualidade não é fácil entrar neste mercado e isto vale para muitos dos países hoje em dia, estamos em tempo de crise e precisamos inovar, renovar as soluções. Até a própria França, que é um dos mercados mais interessantes para o livro ilustrado também está sofrendo.

No sentido de renovação e inovação, recentemente a Alessandra Tadiotto me fez uma provocação: criar um site para o nosso projeto aonde iriamos produzir livros digitais para distribuição gratuita, isto para promovermos o nosso trabalho. Achei que a ideia é ótima e estamos iniciando as conversações para a criação do site e um plano de preparação de todo o projeto, que provavelmente será inaugurado no final deste ano.

A ideia é bem simples, criar um blog inicialmente, aonde iremos falar de varias coisas relativas aos livros ilustrados, colocar novos projetos, contos e estudos do "in progress" da realização das ilustrações e diagramações destes contos.

Eu pessoalmente tenho vários projetos para os quais gostaria de disponibiliza-los nesta forma: um conto sobre as Nuvens e outro o Jardim de Amoreiras.
Esboços gerais para a estória das Nuvens.
Esboços gerais para a estória das Nuvens.

Mapa da cidade aonde o jardim das amoreiras fica.
Mapa da cidade aonde o jardim das amoreiras fica.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...